sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

A POÉTICA MINEIRA EM BRUNA PIANTINO

Balões

Bruna Piantino
Betim 1978
Poeta mineira

Por não perceberem a gravidade
Milhões de balões de ego
Sobrevivem elevados.

Quanto ao interior
Nenhum gás
Habita mais.

Nenhum comentário: