quinta-feira, 10 de abril de 2008

A BAIANIDADE NOS VERSOS DE FRED


Fred de Souza Castro
(São Gonçalo dos Campos 1931)
Poeta baiano


MINHA TERRA

Minha terra, não palmeiras,
vou cantar no berimbau;
no eco de uma cabaça
por derréis de mel coado.
Vou deixar o meu recado
- mensagem de minha raça -
escrito com pedra e pau
nas rodas das capoeiras.
Se não encontrar barreiras
atravesso onde der vau;
levo tudo na chalaça,
seje benção ou pecado.

Nenhum comentário: