segunda-feira, 4 de agosto de 2008

NOTAS PEQUENAS: UMA PRAGA NA IMPRENSA

Croniquetas

por Enzo Carlo Barrocco




E uma praga se instalou em diversos meios de comunicação de nosso país: a indigesta junção dos verbos ir e estar em frases de facílima construção sintática. “Vamos estar fazendo”, “vamos estar ligando”, “vamos estar facilitando” etc, etc. Nascida nas mesas dos operadores de telemarketing, a coisa migrou para a imprensa (principalmente para o rádio e a televisão) atingindo a população em geral, contaminando, também, o pessoal com nível escolar universitário. Meu Deus! Já não basta o uso equivocado da palavra pleno! O mais absurdo é ouvir certos jornalistas, que deveriam ser os primeiros a respeitar o idioma, usando de forma danosa expressões que poderiam ser definitivamente banidas da imprensa, principalmente.

Nenhum comentário: