segunda-feira, 6 de outubro de 2008

COM SANDRA ANNENBERG POR OUTROS CAMPOS DE TRIGO


por Enzo Carlo Barrocco


Sandra Annenberg, paulista da capital, jornalista e atriz, no convés da fragata desde 1968, começou na televisão em 1974, quando participou, na TV Cultura de São Paulo de um teleteatro. O cineasta Fernando Meireles (São Paulo 1955) dirigiu Sandra no programa Crig-Rá, na TV Record. Na Rede Bandeirantes, juntamente com Luciano do Valle (Campinas, SP 1947) e Juarez Soares (São José dos Campos, SP 1941) apresentou um programa esportivo. Em 1984, comandou o programa TV Criança, na Rede Bandeirantes. Ainda na TV Cultura apresentou os programas “Vitória”, “Grandes Concertos” e “Festivais da M.P.B.”. Embora não tenha concluído o curso de artes dramáticas, trabalhou como atriz no programa “Bronco”, e nas minisséries “Chapadão do Bugre”, da TV Bandeirantes; “A República”, “A.E.I.O.Urca” e Tarcísio e Glória, da Rede Globo. Trabalhou, também, nas novelas “Pacto de Sangue”, da Rede Globo e “Cortina de Vidro”, do SBT. Depois disso, na TV Record apresentou o programa “Sport Shopping Show”, ao lado de Osmar Santos (Osvaldo Cruz, SP 1949). Apresentou, em seguida, os programas “Super Esporte” e “TV Franchising”. Em 1991 começou como apresentadora da previsão do tempo na Rede Globo. Entre 1993 e 1996 Apresentou o “Fantástico” e entre 1997 e 1998 acumulou as funções de apresentadora e editor-executiva do “Jornal da Globo”. Em 2000 trabalhou como correspondente da Globo em Londres. De volta ao Brasil, trabalhou na apresentação do “Jornal Hoje”. Em 2008 recebeu o prêmio Mulher Imprensa. Sandra é casada com o jornalista Ernesto Paglia que também trabalha na TV Globo. O jornalismo brasileiro deve muito ao talento de Sandra Annemberg, profissional de presença muito forte no jornalismo televisivo de nosso país.



Nenhum comentário: