quarta-feira, 28 de outubro de 2009

CINDY

Enzo Carlo Barrocco



A gata
parada na porta
olhava a casa, incondicionalmente sua.

Grave, retraída, esquiva,
ontem mesmo perdeu a casa;
ainda lembro dos seus olhos tristes.

Não aceito, sob nenhuma hipótese,
a atitude grotesca
do senhorio.

Nenhum comentário: