quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

ALBERT SCHWEITZER NO DIÁRIO DOS PENSADORES


* Albert Schweitzer (Kaysersberg, na Alsácia, então parte do Império alemão 1875 - Lambaréné, Gabão 1965) teólogo, músico, filósofo e médico.


- O mundo tornou-se perigoso, porque os homens aprenderam a dominar a natureza antes de se dominarem a si mesmos.


- Só são verdadeiramente felizes aqueles que procuram ser úteis aos outros.


- Os anos enrugam a pele, mas renunciar ao entusiasmo faz enrugar a alma.


- Não devemos contentar-nos em falar do amor para com o próximo, mas praticá-lo.


- A quem o sofrimento pessoal é poupado, deve sentir-se chamado a diminuir o sofrimento dos outros.


- A tragédia da vida é o que morre dentro do homem enquanto ele vive.


- Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da criação, seja animal ou vegetal, ninguém precisará ensiná-lo a amar seus semelhantes.


- Dar o exemplo não é a melhor maneira de influenciar os outros. É a única.


- Assim como o sol derrete o gelo, a gentileza evapora mal-entendidos, desconfianças e hostilidade.



Nenhum comentário: