segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

DJAVAN NO DIÁRIO DOS PENSADORES


* Djavan (Maceió 1949) cantor e compositor alagoano


- É que fui condenado a viver do que cantar.


- É preciso ter sorte na vida, até para atravessar a rua.


- Por ser exato, o amor não cabe em si. Por ser encantado, o amor revela-se. Por ser amor, invade e fim.


- Nem se eu bebesse todo o mar, encheria o que eu tenho de fundo.


- Um dia triste, um bom lugar pra ler
um livro e o pensamento lá em você


- Teus sinais me confundem da cabeça aos pés, mas por dentro eu te devoro...Teu olhar não me diz exato quem tu és, mesmo assim eu te devoro!!!


- É esse o vírus que eu sugiro que você contraia
Na procura pela cura da loucura,
Quem tiver cabeça dura vai morrer na praia.



Nenhum comentário: