sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE NO DIÁRIO DOS PENSADORES

" Para sonhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre".

                    - Carlos Drummond de Andrade (Itabira 1902 - Rio de Janeiro 1987) poeta, contista e cronista mineiro

Nenhum comentário: