sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

PÁSSARO E LUA E ESTRELA

Enzo Carlo Barrocco



Meu poema é um pássaro
voando
de uma ponta a outra do rio,
sobre a linha d´água.
A leveza de uma folha seca
que se desprende.

Meu poema é uma lua
nascendo
na beirada da noite.
A leveza de uma nuvem pequena
num céu polido.

Meu poema é uma estrela
vagando
no sem-fim do universo.
A leveza de um meteorito perdido
no insondável do Cosmo.

Nenhum comentário: