segunda-feira, 20 de junho de 2011

A CASA DE TAIPA

Enzo Carlo Barrocco



Eram papoulas plantadas
na calçada de barro
da casa de taipa rente à várzea.
Um terreiro branco, a paisagem azul.

Um baque de machado ao largo
e um vento pelas folhas vesperais;
A sombra da casa se alonga a leste.
Paneiros suspensos nas paredes.

Um pilão à sombra do laranjal...

Nenhum comentário: