terça-feira, 14 de agosto de 2007

ACENDAMOS UMA VELA NO ALTAR DE GOETHE


Johann Wolfgang von Goethe
Frankfurt am Main 1749Weimar, 1832
Poeta, romancista, dramaturgo e ensaísta alemão


Só quem já sentiu saudade

Só quem já sentiu saudade,
Quanto sofro há de entender:
Sozinha aqui, longe vivo
De todo e qualquer prazer.
Nos céus meu olhar fixado,
Um só lado quer rever.
Ai! Quem me ama e de mim sabe
Mui distante foi viver.
O tempo todo estonteada,
As entranhas a me arder:
Só quem já sentiu saudade,
Quanto sofro há de entender!

Tradução: Carlos Bechtinger



Nenhum comentário: