terça-feira, 13 de outubro de 2015

WILLIAM PRESCOT NA SEARA DOS NOTÁVEIS





William Hickling Prescot (Salem, Massachusetts 1796 – Boston 1859), historiador americano, estudou na célebre Universidade de Harvard, onde se dedicou exclusivamente à História. Quando esteve na universidade perdeu um olho num acidente, mas esse fato não tirou o seu entusiasmo. Por sete anos, pesquisou e terminou o seu grande trabalho History of the reign of Ferdinand e Isabella, concluído em 1836, o que o tornou famoso no mundo. O seu interesse pela história da América levou-o a escrever mais dois livros: Conquest of México, em 1843, e Conquest of Peru, em 1847. Todos os trabalhos de Prescot valem por seu estilo próprio e a rigorosa investigação dos assuntos abordados por todos os meios ao alcance na época. Os dois primeiros tomos da História de Felipe II são dignos de nota, trabalho que levou cinco anos para ser concluído.  Prescot, portanto dedicou toda a sua vida à Historiografia, com grande contribuição ao conhecimento. Um historiador em tempo integral. 

OBRAS PRINCIPAIS:

The History of Ferdinand and Isabella (1837);
Spain's Conquest of the Moors;
The Conquest of México(1843);
Biographical and Critical Miscellanies (1845);
The Conquest of Peru (1847);
The History of Philip II (1855-1958);
The Correspondence of William Hickling Prescott (editada por Roger Wolcott, Massachusetts Historical Society, 1925).
The Literary Memoranda of William Hickling Prescott (2 volumes editados por C. Harvey Gardiner, Oklahoma, 1961);
The Papers of William Hickling Prescott (editados por C. Harvey Gardiner, Illinois, 1964).

Nenhum comentário: