sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

OS PARAOARAS

Enzo Carlo Barrocco


Eu “vu” “aculá”
buscar um paneiro de tucumãs
se chover me “escundo” num pé de sororoca
que a manhã já “tá” “jitinha” que só!

Égua de ti
que me põe pissica!
Vai de “impurtar” contigo,
lavar essa canela tuíra.

Eu “vu” “suzinho”
debulhando a tarde
só “ulhando” os “pai-pedro”  “arvuar”.

Nenhum comentário: